16 de abr de 2014

A colcha do Noah - detalhes finais

Olá!

Para encerrar esta série de posts sobre a colcha do Noah (os outros posts são este e este), mostro como fiz o quilt e o fechamento da peça, como embalei para enviar para os papais ansiosos e sobre os cuidados com a peça.

Depois de feitos os bordados em Sashiko, parti para o fechamento da colcha, que contou com o recheio de manta resinada e com as costas no mesmo linho azul que usei nos quadrados que foram bordados.

Para o quilt cumprir a função de juntar todas as camadas e ainda permanecer discreto, já que a "emoção" toda eu quis deixar para o bordado, optei por quiltar apenas as partes em azul, assim combinariam com o fundo.

Resgatei a sapatilha de costura na vala, que contei aqui que eu ainda não tinha me adaptado muito. Depois que descobri como fazer alguns ajustes finos na posição da agulha, eu consegui tirar melhor proveito dele e o resultado ficou muito bom, do jeito que eu queria:

Pronta! Vivaaa!

Terminada a colcha, fui pensar em um embrulho que fosse útil quando a colcha não estivesse em uso e que não chegasse muito amassado ao destino (já que enfrentaria muitas horas dentro da mala da vovó Sonia).

Fiz um saquinho em tecido listrado e coloquei fitas decoradas com pespontos para amarrar na abertura. Para deixar com cara de presente, um cartão que seguiu dentro do pacote e por fora uma faixa de papel craft toda carimbada (estou viciada nesses carimbos, rs!)



Pode seguir viagem!

Tão importante quando pensar na construção e no transporte da colcha, pesquisei sobre como cuidar do linho para que ele conservasse ao passar por lavagem. Quando fazemos algo do tipo, é sempre bom pesquisar como e se pode lavar o material e também como passar. Se for para dar de presente, é legal fazer um bilhetinho avisando!

Como a colcha é feita em linho, pesquisei no meu livro da Burda, que tem uma parte muito boa falando sobre as características dos tecidos e quais cuidados devem ser adotados para cada um. Neste caso é indicado que seja lavada a seco ou então lavar com sabão para roupas delicadas. Por último, pode ser passada com ferro quente e com vapor, já que costuma amarrotar e o tecido suporta tanto o calor quanto o vapor.

Projeto concluído, presente já entregue, oba! Que delícia!

Vamos então para a última trilha sonora, inspirada pelo recente Lollapalooza. Noah, mais músicas de gente que adoro e assisti em festivais, pra você!

Audioslave, super banda formada por Chris Cornell (do Soundgarden) e por quase todos os integrantes do Rage Against The Machine. 
Vi as duas bandas separadamente em festivais, que delícia! E eu amo essa música!

Joan Jett, minha rainha! Emoção para a vida ter visto de pertinho!

Uma das minhas bandas do coração, Foo Fighters! 
Porque a gente merece música legal e vídeo divertido!
(Adoro os momentos: "quero batata frita sim, obrigado!" e "não, não roubem minha guitarra!")

Noah, Ane e Gu, espero que vocês recebam todo o amor dos titios postiços através da colcha e destes posts!

Beijos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
Temporariamente, para uma manutenção do blog, a publicação de novos comentários está suspensa.
Em breve esta função estará reabilitada.
Neste período, peço entrar em contato através de nossa página no Facebook: https://www.facebook.com/costurakatiacostura/
Retornaremos com o maior prazer!
Obrigada pela compreensão!
Beijos e boas costuras!
Katia e Ana

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Poderá também gostar de:

Related Posts with Thumbnails